Município Peso da Régua

  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5

O Presidente da Câmara Municipal do Peso da Régua apresentou ontem – 29 de janeiro – à comunidade, o projeto de Requalificação da Avenida Dr. Manuel de Arriaga, numa sessão de informação que decorreu no Auditório Municipal.
José Manuel Gonçalves presidiu a sessão de apresentação pública do projeto, evidenciando o compromisso do atual Executivo Municipal em discutir as várias soluções para este troço central da cidade com todos os Reguenses.

Nesse sentido, foram apresentadas as características e dimensões do perfil transversal médio do troço que compõe a avenida ao longo de mais 2 km de extensão, entre o Largo dos Aviadores e a Rotunda do Município, de modo a proceder-se à elaboração da melhor proposta de intervenção.
O projeto de requalificação da Avenida Dr. Manuel de Arriaga, que está a ser elaborado ao abrigo de um co-financiamento no âmbito do Plano de Ação de Mobilidade Urbana Sustentável, integrado no programa de investimento Portugal 2020, vocacionado para a reabilitação de vias onde sejam introduzidos os designados modos suaves, ou seja, via pedonal e via ciclável, tem como principais objetivos a melhoria significativa da circulação pedonal, disciplinar os espaços de estacionamento automóvel, garantir a acessibilidade e circulação de pessoas com mobilidade reduzida e melhorar a segurança rodoviária da via.
Derivado às características desta avenida, foram elaboradas três propostas de intervenção, onde se reflete o equilíbrio e coabitação entre os modos suaves e a circulação rodoviária.

A primeira proposta de requalificação apresenta uma disponibilidade maior para acolher a circulação pedonal nos dois lados da via, assim como um circuito ciclável autónomo e contínuo em quase toda a sua extensão, no entanto, teria como contrapartidas a inclusão de um sentido único (ascendente) na maior parte da extensão, assim como uma dificuldade de circulação rodoviária, nos movimentos mais curtos do quotidiano, e uma disponibilidade muito reduzida para estacionamento automóvel.

A segunda proposta de requalificação evidencia uma disponibilidade para acolher a circulação pedonal nos dois lados, em quase toda a sua extensão, e um circuito autónomo e contínuo em grande parte da mesma. Por outro lado, obrigaria à orientação por um sentido único (ascendente) num troço muito importante da via, correspondente a comércio e serviços, assim como a uma dificuldade de circulação rodoviária nos movimentos mais curtos do quotidiano e menor disponibilidade para estacionamento automóvel.

Já a terceira proposta de requalificação, que se verificou ser a mais unânime entre os presentes, privilegia um equilíbrio entre a circulação rodoviária e modos suaves, mantendo os dois sentidos de circulação automóvel em toda a extensão da via e contemplando também uma maior disponibilidade de espaços de estacionamento automóvel formal, na ordem dos 270 lugares, características que permitirão manter os habituais movimentos quotidianos de circulação. Embora esta solução incompatibilize a concomitância entre faixas de circulação pedonal e cicláveis, a mesma apresenta-se como a que serve as necessidades da população, moradores e comerciantes de forma mais eficaz, tal como foi possível apurar após o debate aberto à plateia.
A requalificação da Avenida Dr. Manuel de Arriaga resolverá um problema estruturante de base, redefinindo um novo modelo de mobilidade para Peso da Régua.

José Manuel Gonçalves sublinhou que a reabilitação urbana é umas das principais prioridades deste Executivo Municipal, no que diz respeito ao desenvolvimento urbano. O Presidente da Câmara Municipal do Peso da Régua reforça que esta intervenção parte dos pressupostos de criação de uma cidade amiga do ambiente e proteção da circulação pedonal sendo, deste modo, possível alcançar espaços urbanos equilibrados que se possam também traduzir na melhoria da qualidade de vida.

A requalificação da Avenida Dr. Manuel de Arriaga será objeto de uma só empreitada. Pretende-se que a obra seja executada no mais curto espaço de tempo possível e sem constrangimentos.